Carreta tombada é retirada da BR-262 com o trânsito parado

Com a finalidade de promover por completo a segurança dos profissionais que trabalharam na limpeza da pista da BR-262 e de forma conjunta na remoção da carreta que tombou em uma curva perigosa carregada de ureia, no quilômetro 64, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) fechou o tráfego de veículos.

Carreta tombada é retirada da BR 262 com o trânsito paradoA via federal que liga Minas Gerais ao Espírito Santo teve o trânsito paralisado por cerca de 50 minutos. Nesse período dois guinchos de uma empresa de Marechal Floriano e com a presença de servidores braçais, removeram a carreta e também juntaram parte das 32 toneladas de uréia para produzir adubos.

No período que a carreta permaneceu no local onde tombou, às proximidades do trevo de Alto Santa Maria, a PRF, por meio dos agentes Mariani, Victor, Nascimento, Freitas, Vitoraci e Barbosa, promoveu a total segurança com sinalizações e equipamentos dispersos nos dois sentidos da via federal.

A paralisação da pista para a remoção da carreta, segundo o inspetor da PRF, Edson Bubach, é necessária para que haja segurança no trabalho dos profissionais de áreas diversas que estão interagindo no trecho. “Fechamos a pista para que nada ocorresse de forma negativa durante esses 50 minutos”, disse.