Alunos e professores de Vila Velha visitam Marechal Floriano

Quarenta e quatro alunos e três professores da Escola Unidade Municipal de Ensino Fundamental (UMEF) Ofélia Escobar, de Vila Velha, alegraram moradores locais, homens e senhoras visitantes de Marechal Floriano, que descansavam à sombra no início da tarde desta quinta-feira (19), na Praça José Henrique Pereira, a “Pracinha”.

Alunos e professores de Vila Velha visitam Marechal FlorianoOs alunos cantaram e dançaram esbanjando alegria após terem visitado o Jardim Zoológico de Marechal Floriano, localizado na cia de Rio Fundo, neste município. Tudo aconteceu após esbanjarem alegria deparando-se com os animais até então desconhecidos pela maioria dos estudantes. Por fim visitaram a sede de Marechal Floriano.

No retorno à Marechal Floriano eles almoçaram em um restaurante da sede e a seguir conheceram a “pracinha” onde, por consentimento dos professores Vanilda Schultz, Cristiane Barcelos e Ricardo Tavares se divertiram muito. “Conhecemos hoje locais maravilhosos que ficarão marcados em nossas vidas”, disse a professora Vanilda.

Já o professor Ricardo afirma ter ficado feliz com o que viu nesta quinta-feira (19). “Foram duas visitas onde campeiam a educação do povo, a boa vontade e sabedoria para receber visitantes”, afirmou Ricardo. Já a professora Cristiane Barcelos garante que a alegria tomou conta da sua vida ao se deparar com tudo que viu em Marechal Floriano. “Recepção nota dez”,sorria.

Para o técnico em relojoaria desta cidade, Rodrigo Klein, um verdadeiro espetáculo foi assistido na pracinha de Marechal Floriano com os alunos da escola de Vila Velha. “Os alunos e professores deram um show de alegria e quem ganhou com isso foram as pessoas, principalmente idosos, que descansavam”.

O aposentado Guerino Demoner assistiu as dancinhas e ouviu as crianças cantarem, baterem palmas e gritarem de alegria. “Eles nos deixaram contentes porque os sorrisos altos foram ouvidos por todos e marcaram com alegria e felicidade essa visita que nos honrou e alegrou bastante”.