Donos de veículos querem estacionamento em Marechal Floriano

O movimento comercial de Marechal Floriano continua atraindo moradores de outros municípios, como nesta quarta-feira (17), quando os aposentados praticamente já receberam os seus proventos. Por volta das 10 horas nos estacionamentos das ruas não existiam mais vagas.

CDonos de veículos querem estacionamento em Marechal Floriano2om isso, os moradores de bairros e visitantes são forçados a deixar o centro da cidade para procurarem estacionamentos. Um dos locais que atrai os motoristas que procuram estacionar os carros, apesar de distante, é o terreno localizado entre a Rodovia BR-262 e a via paralela, oficialmente conhecida por Avenida Arthur Haese.

Para o comerciante Jonas Buss, a alternativa para chegar ao seu local de trabalho foi a bicicleta, enquanto o seu carro permanece na garagem durante o dia. “Moro no Bairro Vila das Orquídeas e trabalho no centro, mas para vir de carro não dá certo porque não há local para estacionar e por isso defendo a criação de estacionamentos ao lado da ferrovia”, disse.

Uma mulher que tem a opinião semelhante é a auxiliar de creche Fabrícia Rosenberg, que tem dificuldade de estacionar o seu veículo na sede. Para ela, o crescimento econômico de Marechal Floriano exige um local amplo no centro com facilidade de estacionar. “A ferrovia poderia liberar para a Prefeitura Municipal e assim teríamos lugar de sobra no centro da cidade”.