O projeto “AlertGreen - Sistema de Alerta para Monitoramento de Diaforina citri, vetor do Greening”, desenvolvido numa parceria entre o Instituto Capixaba de Pesquisa e Extensão Rural (Incaper) e o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), foi vencedor na categoria “Ideia” do Ciclo 2018 do Prêmio Inoves.

Produtores rurais e demais interessados na cadeia produtiva da bananicultura, que tenham sugestões sobre como melhorar o manejo das lavouras do Estado, podem participar de consulta pública aberta pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) para tratar da sigatoka negra e outras doenças relacionadas ao plantio da cultura.

A última sexta-feira (30) foi um dia especial para os produtores de cafés especiais de Venda Nova do Imigrante. A noite foi marcada pela premiação dos participantes com os melhores resultados no Concurso Municipal de Café de Qualidade. Foi um momento de celebração e incentivo à cafeicultura no município.

Os produtores do setor de agroindústria de Domingos Martins receberam um grande incentivo para aumentar a comercialização de seus produtos. Desde o último dia 29 de novembro, 13 produtores rurais do município contam com a permissão para comercializar seus produtos em todo o território do Espírito Santo. 

Diante da falta de vacina em todo o País, o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) solicitou ao Ministério da Agricultura a prorrogação do prazo para vacinação do rebanho, que terminaria nesta sexta-feira (30). Os pecuaristas terão agora até o dia 10 de dezembro para realizarem a imunização.

Não é de hoje que o Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) se destaca em concursos de cafés especiais em todo país. No município de Afonso Cláudio não foi diferente. As melhores colocações no concurso, na categoria conilon, são de produtores que cultivam variedades do Instituto.

O evento, que teve a cerimônia de encerramento realizada no Centro Cultural José Ribeiro Tristão, em Afonso Cláudio, premiou dez cafeicultores na categoria conilon e dez na arábica, com notas acima da média. A solenidade contou com a presença de várias autoridades, degustadores de café, representantes de órgãos e entidades da área da agricultura, além dos agricultores e seus familiares.

“Identificamos que entre as melhores colocações no concurso na categoria conilon, existem produtores que cultivam variedades do Incaper, sendo: Vitória, Centenário e Jequitibá. Na categoria arábica, o primeiro colocado produz a cultivar Catucaí 785-15”, disse o extensionista Jancy Aschauer

Premiação

Todos os dez finalistas de cada categoria receberão nesta quinta-feira (29), no auditório da Prefeitura Municipal, a premiação em dinheiro. Os classificados em 1º lugar receberam R$ 4.000,00. Além disso, foi premiado com o Prêmio Extra, o melhor café de cada distrito que enviou mais de cinco amostras por categoria.

Destaque Internacional

Recentemente o Espírito Santo foi destaque na Semana Internacional do Café 2018, que aconteceu em Belo Horizonte (MG). Dos dez finalistas na categoria Coffea canephora (conilon/robusta) do Prêmio Coffee of The Year 2018, nove são do Estado e o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) faz parte desse sucesso.

Entre as 400 amostras nas categorias Coffea arabica ou Coffea canephora (conilon/robusta) por agricultores de várias regiões do Brasil, os 1°, 2º, 3º e 5º lugares em conilon e o 1º e 2º lugares no arábica são do Espírito Santo.

O Espírito Santo é um dos maiores produtores de mamão do Brasil. O Estado também ostenta o título de maior exportador nacional do fruto. E os trabalhos relacionados à pesquisa científica para promover soluções aos produtores capixabas são coordenados pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).